CoronavírusNotíciasVilabela News

Após inspeção, MPPE recomenda a contratação de 31 leitos para Covid-19 em Serra Talhada

Nessa sexta-feira (12) o Ministério Público de Pernambuco (MPPE), através da 2ª Promotoria de Justiça de Serra Talhada, emitiu a Recomendação 010/2020 a Prefeitura Municipal, para que faça a contratação de 31 leitos de retaguarda para o tratamento de pessoas infectadas pela Covid-19 no município, junto a rede privada local.

A recomendação acontece após inspeção feita pela Agência Pernambucana de Vigilância Sanitária (Apevisa) na Casa de Saúde Clotilde Souto Maior, conveniada com a prefeitura. Segundo o MPPE, a Apevisa desaprovou o hospital ‘por não atender as exigências da portaria do Ministério da Saúde, por não possuir plenas condições técnicas para o funcionamento e não ter estrutura física suficiente’.

Ainda segundo a Apevisa, a Casa de Saúde não dispõe de funcionários suficientes para o tratamento da Covid-19, e não dispõe de equipamentos em geral’.

Por fim, o Ministério Público dá um prazo de cinco dias para que o governo Luciano Duque cumpra a recomendação.

Na prática, as casas de saúde privadas de Serra Talhada, que até agora se ausentaram de todo o processo de acolhimento e tratamento aos pacientes da Covid-19, serão orientadas a abrir leitos em convênio com a prefeitura.

Do Farol de Notícias

Deixe seu comentário