Ponto de equilíbrio entre defesa e ataque, Tiago Costa vira peça-chave no Santa Cruz

Treinador Vinícius Eutrópio afirma que Tiago Costa dá mais “equilíbrio” ao time tricolor

Diante de um sistema ofensivo pouco eficaz, o Santa Cruz tem se valido dos gols de falta e pênalti do zagueiro Anderson Salles para ganhar. Foi assim nas quatro últimas partidas decisivas da temporada. Mas outra peça da defesa também tem sido essencial para o Tricolor balançar as redes: o lateral-esquerdo Tiago Costa. Vigoroso na marcação, não deixa também de atacar. Uma jogada tramada por ele ocasionou no penalidade máxima (convertida por Salles), que decretou a vitória por 1 a 0 sobre o Salgueiro, na primeira semifinal do Estadual.

Mais do que uma coincidência, o Santa Cruz não perdeu com Tiago Costa em campo na temporada. Nas sete partidas em que atuou no ano, foram vitórias em todas. Até aqui, além do polêmico pênalti cometido pelo salgueirense Marcos Tamandaré em cima dele, no último sábado, o lateral deu ainda uma assistência para gol e sofreu outra falta importante, a resultou em mais um gol de Anderson Salles – no 1 a 0 do jogo de ida das quartas de final da Copa do Nordeste, contra o Itabaiana, em Sergipe.

No último jogo contra o Salgueiro, no Arruda, o lateral-esquerdo foi um dos jogadores mais regulares em campo. Fechou espaços, foi eficiente nos desarmes e abusou das arrancadas e tabelas para conduzir o Santa Cruz ao campo de ataque. Arriscou de fora da área e deixou Halef Pitbull na cara do gol no primeiro tempo. O centroavante estava descalibrado e errou a pontaria, porém.

Dono da lateral

Não de hoje que Tiago Costa vem sendo essencial para o Tricolor. Com o hiato de duas rápidas saídas do clube (para Ceará e Chapecoense) e de graves lesões que acabou sofrendo, praticamente vem sendo o dono da posição na equipe desde 2012, ano que chegou ao Arruda pela primeira vez para disputar a Série C do Brasileiro. Nenhum jogador que é contratado para a lateral esquerda até aqui tem sido capaz de se firmar como o agora camisa 88 se firmou no time.

 
No Pernambucano de 2015, quando o Santa se sagrou campeão, os jogos invictos da equipe também coincidiram com a presença de Tiago Costa na escalação. Hoje, o treinador Vinícius Eutrópio rasga elogios ao atleta, que iniciou 2017 fora do time principal porque se recuperava de série contusão no tendão de Aquiles, sofrida durante a Série A. “A entrada do Tiago Costa, que é um jogador um pouco mais ofensivo, deu equilíbrio ao time. Dos dois lados estamos chegando agora”, falou o comandante.

Tiago Costa em 2017
7 jogos/7 como titular/ 7 vitórias/3 participações em gol

As participações direta em gol:

Santa Cruz 5 x 1 Central – Pernambucano

Tiago Costa chuta forte goleiro defende e Gino empurra a bola para dentro do gol

Itabaiana 0 x 1 Santa Cruz – Copa do Nordeste
Tiago Costa é derrubado perto da grande área, e Anderson Salles converte cobrança em gol

Santa Cruz 1 x 0 Salgueiro – Pernambucano
Tiago Costa sofre pênalti, convertido por Anderson Salles

Por: SuperEsportesPE


Deixe uma resposta