Polícia acredita que ataque com ácido contra advogada no Recife foi premeditado

Uma mulher deu entrada em um hospital particular do Recife com o rosto atingido por ácido na noite desta terça-feira (13). O caso parece estar relacionado com boatos de que a moradora de um prédio de Boa Viagem, na Zona Sul da capital, foi atacada por um homem, que jogou a substância química, e fugiu de bicicleta, no final da tarde.

O 19° Batalhão da Polícia Militar informou que recebeu uma denúncia semelhante e enviou uma viatura à Rua Mamanguape, próximo ao Carrefour, onde o crime teria ocorrido. A reportagem não conseguiu novo contato com a corporação até o fechamento desta matéria. A Delegacia de Plantão de Boa Viagem também não atendeu às ligações. O Corpo de Bombeiros não atendeu nenhuma ocorrência do tipo.

A reportagem conversou com uma moradora do Edifício Real Park, onde o caso teria acontecido. A pessoa, que pediu para não ser identificada, disse que nem ela nem o marido presenciaram o incidente, mas escutaram relatos de vizinhos. Segundo a moradora, a mulher estava chegando no prédio quando foi atacada, ainda do lado de fora, por um rapaz. Ele teria jogado ácido no rosto dela e fugido de bicicleta.



Deixe uma resposta