Goiano confirma Ortigoza no Náutico, mas dá recado: “Se cobrar mais”

Ortigoza perdeu os dois últimos jogos por suspensão (Foto: Marlon Costa/Pernambuco Press)

O atacante Ortigoza é, sem dúvidas, o principal jogador do Náutico em 2018. Artilheiro do time com 10 gols marcados, foi peça fundamental na conquista do Campeonato Pernambucano, mas corre o risco de perder a unanimidade pelo bom momento do Timbu na Série C do Campeonato Brasileiro. Depois de cumprir dois jogos de suspensão pela expulsão contra o Santa Cruz, está novamente à disposição do técnico Márcio Goiano e será escaldo como titular contra o Confiança-SE, neste sábado, pela Série C. Muito por conta da ausência de Lelê, que está machucado.

– Tenho Robinho fazendo a função de centroavante e posso trazer ele para a função anterior – como ponta -, e aí Ortigoza volta para centroavante.

Para o futuro, Ortigoza precisa mostrar mais para ser mantido entre titulares. De acordo com Márcio Goiano, o bom momento do time coloca pressão no paraguaio, que precisará se cobrar mais para voltar a ter boas atuações.

– A gente sabe da importância dele no Náutico. Fez bons jogos desde que chegou e ajuda muito. No jogo do Santa Cruz teve a expulsão e vi uma falta nele, que causou uma ação e uma reação. A equipe teve dois jogos e a resposta foi positiva. O atleta tem que se cobrar mais.

Outra mudança no Náutico contra o Confiança será na defesa. Rafael Ribeiro está machucado e abre uma vaga na zaga, que deve ser preenchida por Camacho. Camutanga corre por fora.

– Camutanga não trabalhou com bola por 10 dias, mas é jovem e tem muita força. Ainda estou na dúvida entre ele e Camacho. Se tivesse convicção, falaria como falei que Ortigoza joga.

O Náutico enfrenta o Confiança às 21h do próximo sábado, em Aracaju, e o Timbu deve entrar em campo com Bruno; Bryan, Camacho (Camuganta), Sueliton e Assis; Josa, Luiz Henrique e Jhonnatan; Dudu, Robinho e Ortigoza.

Ortigoza com Márcio Goiano

  • Titular contra o Globo-RN, na estreia do treinador. Passou 78 minutos em campo e fez um dos gols da vitória por 2 a 0.
  • Titular contra o ABC. Passou 90 minutos em campo e não jogou bem.
  • Titular contra o Remo, mas vinha de uma semana de virose e só aguentou 45 minutos.
  • Titular contra o Santa Cruz, mas foi expulso aos 23 minutos depois de tomar um cartão. amarelo por reclamação e, na sequência, um vermelho direto por insistir na contestação.
  • Ficou fora dos jogos contra Botafogo-PB e Atlético-AC por suspensão.

 

Do Globo Esporte


Deixe uma resposta