Danny Morais minimiza viagens do Santa Cruz: “Não pode ser desculpa”

Aos 33 anos, Danny Morais é o jogador mais experiente do elenco do Santa Cruz — Foto: Marlon Costa/ Pernambuco Press

 

 

 

 

Na próxima quinta-feira, às 22h30 (de Brasília), o Santa Cruz não tem só o Sinop-MT como adversário pela primeira fase da Copa do Brasil. Há um outro obstáculo que a delegação vai enfrentar: a distância. E não só pela distância do Recife para a cidade mato-grossense, mas também pelo acúmulo de viagens que o Tricolor enfrenta em fevereiro. Mesmo com as dificuldades, o zagueiro Danny Morais minimizou o fator desgaste físico e avisou que não pode ser uma desculpa.

O Santa Cruz iniciou, na última quarta-feira, uma série de cinco jogos em 15 dias – quatro deles fora de casa. Neste meio tempo, a delegação coral vai duas vezes para o Sertão pernambucano (já foi até Petrolina, onde bateu o time homônimo da cidade por 2 a 1). Só que a distância para Sinop, que fica a pouco mais de 400 quilômetros da capital Cuiabá, é muito maior.

– A gente tem viajado bastante, feito isso semanalmente. Com certeza é desgastante, mas não podemos nos apegar a isso e ter como desculpa. O nosso grupo todo está preparado e contra o Petrolina mostramos isso. Eu acredito que quem estiver em melhores condições vai jogar porque é um jogo importante para nós e para o clube, e não podemos dar desculpas para encarar esse problema de frente – disse Danny Morais.

Para poder diminuir os efeitos do desgaste físico, o Santa Cruz vai “quebrar” a viagem até Sinop-MT. Na manhã desta terça-feira, os jogadores e comissão técnica seguem para Brasília (a cerca de 2.118 quilômetros do Recife). Da capital federal, vão para Cuiabá, quando se somam mais 1.608 quilômetros. Por último, segue de ônibus para Sinop. Mais 408 quilômetros. Ao todo, serão percorridos 3.666 quilômetros só de ida.

Esta é, de longe, a maior viagem que o Santa Cruz vai fazer neste primeiro momento do ano. Caso avance à segunda fase da Copa do Brasil, o Tricolor faz o jogo em casa, no Estádio do Arruda, contra o vencedor de Imperatriz-MA e Náutico.

 

Do Globo Esporte


Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: