Acusado de matar esposa em Santa Cruz da Baixa Verde é preso quando tentava fugir

Numa ação rápida, o suspeito de ter assassinado a própria esposa a tiros nessa sexta-feira (2), em Santa Cruz da Baixa Verde, Erivolnado Ferreira Alves, 41 anos, foi preso na noite deste sábado (3) quando pretendia sair da região com a ajuda de parentes.

Uma operação em conjunto entre as polícias civil e militar, deteve Erivonaldo no momento em que ele chegava no distrito de Bom Nome, no município de São José do Belmonte. Um irmão do suspeito, que veio da Bahia, estaria à espera dele para facilitar a fuga.

Erivolnado chegou no local depois das 19h na companhia de um sobrinho, em um carro modelo Corsa, e só não contava com a presença da polícia no momento em que descera do veículo.

“Tivemos a informação de que esse irmão dele veio de Capim Grosso, na Bahia, para buscá-lo. Foi quando nos adiantamos e montamos a operação em conjunto com a PM para evitar a fuga”, comentou o comissário Cornélio Pedro da Costa.

A operação que deteve o suspeito foi coordenada pela delegada Andrezza Gregório, com o apoio do delegado seccional Olegário Filho e de uma equipe do 14º BPM comandada pelo capitão Souto Maior.

CRIME PASSIONAL

Segundo os investigadores, é provável que Erivonaldo tenha matado a esposa, Genelice Ferreira de Olivera Alves, de 39 anos (foto à dir.), por ciúmes.

A tese vem sendo analisada pela Polícia Civil especialmente diante a informação de que Genelice queria se separar do marido e já havia encaminhado os papéis do divórcio.

Contrário à decisão, Erivonaldo teria usado dois revólveres para praticar o crime. O armamento foi encontrado jogado próximo à PE-365. Erivolnado foi encaminhado para a Delegacia de Serra Talhada na noite desse sábado e deverá ser transferido para a unidade prisional de Flores.

Fonte: Farol de Notícias



Deixe uma resposta